quarta-feira, 30 de junho de 2010





Eu uso as cores
Manipulo todas
Até virarem flores.
Eu pinto pássaros porque são leves
Coloridos e alegres
E voam alto, o mundo inteiro
Jeito faceiro de desfilar
E nos levam para longe
No pensamento nos fazem sonhar
E imaginar que temos asas para ir
Como o vento a todas as partes.
Eu faço traços virarem borboletas
Algumas azuis outras violetas
Elas são livres, para irem,
Para virem, como o pincel
Que leva em si
Todos os sonhos
Alguns felizes, outros tristonhos.

Nenhum comentário: